Inovações na área da saúde poupam € 22 mil milhões na Alemanha

As inovações introduzidas na prestação de cuidados de saúde e o progresso da tecnologia médica traduziram-se numa poupança no montante de 22 mil milhões de euros para a economia alemã nos últimos anos. Este é o resultado do estudo "Impulsos de inovação na indústria de saúde" (IIIS), que foi apresentado pelo Ministério Federal Alemão da Economia, em meados de Março de 2011. A avaliação económica global mostra que o aumento das despesas no sector da saúde em 101 mil milhões de euros entre 2002 e 2008 foram equilibradas por um valor acrescentado bruto de 123 mil milhões de euros no mesmo período, resultando assim um saldo positivo para a economia no seu todo, diz o estudo. Este resultado tem em consideração o facto de o progresso da tecnologia médica conduzir a uma diminuição dos anos de trabalho perdidos e, assim, influenciar positivamente a produtividade.


O Ministério da Economia conclui: "Não devemos olhar para as despesas de saúde apenas como um factor de acréscimo de custos, mas precisamos de uma abordagem económica global", diz Ernst Burgbacher, Secretário de Estado Parlamentar do Ministério Federal da Economia.

A Indústria do sector congratulou-se com esta abordagem focada numa análise económica global sobre o progresso da medicina por parte do Governo Federal, e com o facto de novos estudos estarem a ser encomendados para expor e eliminar os obstáculos à inovação. O estudo em causa, por exemplo, sugere a criação de uma "pool" de inovação dentro do sistema de saúde oficial de seguros e reclama a introdução de melhorias nos procedimentos necessários à introdução de produtos inovativos no sector hospitalar.

O estudo mostra e comprova que as inovações na área da saúde podem contribuir significativamente para o crescimento económico e para um aumento do emprego.

Na visão da indústria é muito positivo que a cooperação interministerial coordenada sobre assuntos de tecnologia médica esteja a ser promovida. Os Secretários de Estado dos Ministérios da Saúde Federal (BMG), Economia e Tecnologia (BMWi) e Educação e Pesquisa (BMBF) iniciaram um processo estratégico conjunto para a tecnologia médica durante o Outono de 2010. Um evento importante neste contexto será o "Zukunftskonferenz Medizintechnik 2011" (Conferência sobre Tecnologias Médicas do Futuro 2011) em 20 e 21 de Junho de 2011, que será organizado pelos Ministérios da Investigação, Economia e Saúde, em colaboração com associações como a BVMed.

Acesso aos detalhes do programa em:
www.zukunftskonferenz-medizintechnik.de

Fonte: MedInsight Alemanha No. 57-2011 Abril.